fbpx

O último final de semana trouxe o evento mais marcante para o Jiu Jitsu em 2019, até o momento.

Provavelmente você já ouviu falar do triste episódio que encerrou o BJJ Stars Black Belt Edition e não estamos aqui para falar disso.

O evento foi um dos maiores eventos de Jiu Jitsu no Brasil, se não o maior até então.

Nomes como Marcus Buchecha, Nicholas Meregali, Leandro Lo, Felipe Pena, Isaque Bahiense e Michelle Nicolini levaram o público do Ginásio Hebráica ao delírio em um espetáculo de Jiu Jitsu.

Além disso, o BJJ Stars trouxe antigas lendas do tatame, enchendo os paulistas e os assinantes do Pay-Per-View de muita nostalgia.

Confira aqui os melhores momentos do BJJ Stars Black Belt Edition:

Card Principal Bjj Stars

Felipe Pena venceu Erberth Santos por Declassificação

Caso você viva em outro planeta e ainda não saiba o que aconteceu, Erberth Santos acabou sendo desclassificado após deixar o tatame para agredir membros da equipe do atleta da Gracie Barra, Felipe “Preguiça”.

Fonte: Gracie Mag

Joao Gabriel Rocha venceuMarcus “Buchecha” Almeida por Pontos (0-0, 3-0 vantagens)

Com uma base sólida e muita pressão, João Gabriel Rocha conseguiu finalmente vencer o multicampeão Marcus Buchecha.

Muito emocionado, João Gabriel conta ao final da entrevista que fará sua última visita à oncologista na semana seguinte, marcando o fim de sua longa batalha contra o câncer.

Nicholas Meregali venceu Leandro Lo por pontos (4-0)

Após uma encarada tensa, Meregali e Lo travaram uma guerra, decidida no último minuto de luta com uma pegada de costas.

Meregali apresentou muita pressão e base por cima, defendendo as investidas de Leandro, inclusive o “balão” da imagem, para atacar as costas após os 9 minutos de luta e vencer nos pontos.

Fonte: Fighters Market

Roberto Godoi venceuRenato “Babalu” Sobral por pontos (2-0)

Em mais um combate entre duas lendas do esporte, Godoi venceu o ex-UFC Renato “Babalu” com uma raspagem da Guarda X.

Após o combate, Godoi desafia em tom de respeito a também lenda, Saulo Ribeiro, que aceita o convite amistosamente mostrando quem são os verdadeiros artista marciais.

Marco Barbosa venceu Wellington “Megaton” Dias nos pontos (2-0)

Em mais um show de humildade, Barbosinha e Megaton trocaram muito judô e estratégia.

Mesmo chamando para a guarda ao fim, Megaton não conseguiu reverter o placar, deixando a vitória para o líder da Barbosa B9.

https://www.instagram.com/p/BuP-g5Sh5iJ/

Isaque Bahiense venceu DJ Jackson por decisão dos árbitros

Após uma luta truncada, Isaque Bahiense vence o duríssimo DJ Jackson na decisão dos árbitros.

O atleta da Alliance Jiu Jitsu surpreendeu a todos puxando para a guarda e, após algumas investidas, mostrou maior agressividade que seu adversário, tendo sua mão levantada ao final.

Patrick Gaudio venceu Tim Spriggs por pontos (14-2)

Em um dos melhores combates na noite, Tim Spriggs surpreendeu os paulistas com uma raspagem seguida de uma tentativa de montada no início da luta.

Porém, não foi o suficiente para vencer, já que Gaudio deu um show de passagens de guarda, garantindo a luta com o maior placar da noite.

Delson Heleno venceu Fernando “Terere” por finalização (Estrangulamento)

Pé-de-Chumbo veio determinado a não errar e assim o fez.

Após uma passagem de guarda de pura pressão, Heleno conseguiu um estrangulamento dos 100kgs, vencendo uma das maiores lendas do esporte, Fernando Tererê.

Gabriel Rollo venceu Celso Vinicius por pontos (0-0, 3-2 vantagens)

Em uma das lutas mais disputadas do evento, Celsinho e “Palito” recusaram a todo o custo qualquer tentativa de raspagem.

E fio nos últimos 30s de luta que Rollo garantiu a virada nas vantagens, saindo vencedor após tentativas de raspagens e pegada de costa.

Bianca Basilio venceu Michelle Nicolini por pontos (9-2)

Na única luta feminina do evento, a veterana Michelle Nicolini se desafiou contra uma das melhores lutadoras da atualiade.

Porém, apesar de apresentar uma guarda de gancho agressiva, Michelle não conseguiu segurar a pressão de Bia, que venceu a luta com uma passagem de guarda direto para a montada.

Fonte: Focados no Tatame

Ricardo “Pingo” Rocha venceu Carlos Eduardo por finalização (Arm Lock)

Pingo mostrou um jogo de guarda agressivo, levantando o público na primeira luta do card principal.

Com uma bela variação do Triângulo para o Omoplata, Pingo seguiu atacando e conseguiu vencer a luta com um Arm Lock, com pouco mais de 2min sobrando no relógio.

Palmas para o BJJ Stars

Com uma estrutura de primeira e os melhores lutadores da atualidade, o BJJ Stars deu um show de organização e Jiu Jitsu.

Apesar do triste desfecho do evento, não podemos deixar uma noite tão incrível para o nosso esporte ser estragado por um ato isolado.

Esperamos que a segunda edição seja ainda mais grandiosa e que mais eventos como esse aconteçam no país berço do Jiu Jitsu.

Agora é com você, leitor! Qual foi o momento desse evento mais marcante para você? Responda nos comentários contribuindo com a discussão.

Também não se esqueça de visitar o BJJ Nerd no Facebook, Instagram e Youtube.

Confira os resultados do BJJ Stars, com Buchecha, Lo, Meregali e muito mais

Deixe uma resposta