A popularização do Jiu Jitsu

Passando um pouco pela história do Jiu Jitsu, é inegável que a arte suave se popularizou devido a eficiência da Técnica sobre a Força.

Isso se provou, por exemplo, nos Desafios Gracies, onde membros da Família Gracie venciam lutas contra adversário mais pesados, com o uso das Técnicas do Jiu Jitsu.

Posteriormente, a primeira edição do UFC ajudou a contribuir com essa teoria, com o jovem Royce Gracie. Isto porque Gracie conseguiu sair campeão do evento, finalizando adversários maiores e mais atléticos.

O Princípio da Alavanca

“Sempre assuma que seu oponente será maior, mais forte e mais rápido que você; Assim você aprenderá a confiar na técnica, momento e alavanca, ao invés de força bruta.”

Hélio Gracie

Conheça mais 21 Frases de Hélio Gracie clicando no link.

Todo iniciante no Jiu Jitsu já ouviu falar sobre o princípio de alavanca. Porém, para os que ainda não entenderam muito bem, aqui vai uma rápida aula de Física.

Força vs. Técnica no Jiu Jitsu: Princípio de Alavanca

Na imagem acima, vemos duas forças, F1 e F2, posicionadas em dois pontos distintos de uma espécie de gangorra. Apesar de F1 ser maior que F2, a gangorra se mantém em equilíbrio.

Em resumo, a alavanca permite que uma Força Menor (F2) seja equivalente a uma Força Maior (F1), usando uma maior distância do ponto de apoio. 

Em outras palavras, a Alavanca permite que um praticante mais leve e mais fraco (porém melhor posicionado na Alavanca) precise de um mínimo de força para vencer uma força maior.

Quando a Força vence a Técnica

O Jiu Jitsu de Hélio Gracie e sua família se popularizou devido a grande superioridade que um praticante de Jiu Jitsu tinha sobre aquele que não conhecia a arte suave.

Realmente, quando o nível técnico de um praticante é muito superior ao outro, a força é vencida pela técnica.

No entanto, quando o adversário mais forte também é um praticante de Jiu Jitsu e o nível técnico de ambos é próximo, a história muda.

Voltando a imagem da gangorra: quando as alavancas são iguais – ou mesmo próximas uma das outras – a força maior irá ganhar.

O Jiu Jitsu como Defesa Pessoal

Quando voltamos à essência e falamos do Jiu Jitsu como uma arte Marcial de Defesa Pessoal, podemos dizer que a técnica supera em muito as valências físicas.

Porém, quando atingimos um patamar de Esporte, ou seja, determinamos regras e tempo limite para um combate, a técnica não vence sozinha.

O Jiu Jitsu Esportivo

Rodolfo Vieira é o perfeito exemplo de quem alia técnica apurada com elevados níveis de força.

Com o crescimento da arte suave, muitos praticantes passaram a se profissionalizar e viver o Jiu Jitsu como verdadeiros atletas de alto-rendimento.

Como consequência disso, o nível técnico do Jiu Jitsu deixa de ser o único determinante para se vencer uma luta.

O Jiu Jitsu, agora limitado por regras e tempo e vencido por pontos, passa a depender de outros pilares para definir quem vence um combate.

Treinar as valências físicas como Força, VelocidadeMobilidade e Resistência, além dos aspectos Estratégicos/Táticos e Emocionais/Psicológicos passa a ser essencial a qualquer um que deseje se tornar campeão.

Como consequência disso, possuir níveis elevados de Força deixa qualquer atleta em extrema vantagem, quando o nível técnico se equipara.

O Lutador Completo

Isso não quer dizer que a Força é melhor do que a Técnica. Na verdade, com o alto nível do Jiu Jitsu Esportivo na atualidade, ninguém consegue se destacar sem possuir uma Técnica ajustada.

Porém, um lutador completo precisa estar preparado para cobrir todos os aspectos do treinamento se pretende atingir o sucesso.

O que faz um lutador completo é entender quais técnicas se maximizam ao lado de seus atributos físicos e psicológicos.

Um atleta com maior força tende a preferir passagens de guarda de pressão (Como a Emborcada), enquanto um atletas mais ágil prefere as de velocidade (Como a Toreada).

Portanto, Precisamos enxergar o contexto geral e desconstruir esses mitos. Força e Técnica não são elementos contráditórios.

Um bom lutador alia sua técnica avançada com a força necessária para aplicá-la em qualquer situação.

E você, o que acha da discussão de Força vs. Técnica? Responda nos comentários contribuindo com a discussão! Também não se esqueça de visitar o BJJ Nerd no Facebook, Instagram e Youtube.