fbpx

Qual o segredo para, menos de 10 anos, chegar a elite do esporte e tornar-se a equipe campeã mundial da IBJJF? Segundo o próprio André Galvão, fundador da Atos Jiu Jitsu, o trabalho em equipe e o amor pelo Jiu Jitsu devem andar juntos em primeiro lugar. Together we are stronger (Juntos somos mais fortes) é o lema da equipe.

Na verdade a Atos Jiu Jitsu, desde sua fundação, esteve beirando ao topo. Em seu primeiro mundial, a equipe conseguiu colocar 5 faixas pretas no pódio além de coroar um campeão mundial (Guilherme Mendes). Ao longo dos anos, a Atos investiu fortemente na base e todos os anos surgem novos talentos defendendo a bandeira de André Galvão.

Conheça nesse post a história da equipe que já nasceu fadada ao sucesso. De Rio Claro à San Diego, a Atos Jiu Jitsu vem crescendo mais e mais a cada ano e já acumula campeões mundiais nas faixas coloridas e na preta e espalha filiais pelo mundo.

brasao-atos-jiu-jitsu
Together we are stronger (Juntos somos mais fortes)!

Ficha da equipe

  • Equipe: Atos Jiu Jitsu
  • Linhagem 1: Academia Gracie > Alliance Jiu Jitsu > TT > Atos (André Galvão)
  • Linhagem 2: Academia Gracie > Carlson Gracie > Nova União > Atos (Ramon Lemos)
  • Fundadores: André Galvão e Ramon Lemos
  • Ano de fundação: 2008

Surgimento da Atos Jiu Jitsu: André Galvão

Para compreender a história da Atos, é necessário primeiro entender o surgimento da aliança entre André Galvão e Ramon Lemos.

O ano de 2002 foi muito conturbado para o Jiu Jitsu. Isso porque, após a rivalidade entre a CBJJO e a IBJJF crescer, o cenário competitivo apresentou-se dividido. Ambas federações realizavam seus campeonatos mundiais em datas próximas e algumas equipes compraram essa briga. Esse foi o caso da Alliance Jiu Jitsu, que após desentendimentos internos devido a participação de alguns atletas da equipe no mundial da CBJJO. Para saber mais sobre essa história, confira a história da equipe Alliance Jiu Jitsu.

andre-galvao-terere
Galvão foi um faixa colorida condecorada enquanto aluno da equipe TT e pupilo de Tererê

Dentre os que deixaram a equipe nesse episódio, Fernando Tererê era um dos mais talentosos. Competidor ativo e dotado de um grande carisma, Tererê fundou sua própria equipe, junto de Eduardo Telles, a Equipe TT. E foi dentro da TT que o ainda jovem André Galvão cresceu e mostrou seu nome ao mundo do Jiu Jitsu enquanto faixa colorida.

Porém, após a crise de Tererê, que culminou com o fim da equipe TT, Galvão – que recebeu sua faixa preta em 2005 – juntou-se a outros faixas pretas na equipe Brasa Jiu Jitsu, onde aproximou-se ainda mais de Ramon Lemos.

Surgimento da Atos Jiu Jitsu: Ramon Lemos

Ramon Lemos foi nascido e criado em Niterói, Rio de Janeiro. E foi nesse estado que se desenvolveu no Jiu Jitsu, junto da equipe Nova União. Porém, Ramon recebeu a oportunidade de seu então professor André Pederneiras de abrir uma filial da sua equipe em Rio Claro. Lemos abraçou a oportunidade e se mudou para o estado vizinho por volta dos anos 2000.

mendes-brothers-nova-uniao
Rafael e Guilherme Mendes foram alunos de Ramon Lemos quando ainda adolescentes promissores

Já em Rio Claro, Ramon desenvolveu fortemente suas habilidades de ensino da arte suave, apesar de sua também promissora carreira de atleta. Ramon criou uma equipe forte na cidade, que já despontava nos maiores eventos. Dentre seus alunos mais famosos, estão os Irmãos Mendes (Rafael e Guilherme), na época, ambos juvenis promissores. Foi lá também que Ramon estreitou os seus laços com a jovem equipe Brasa Clube de Jiu Jitsu, onde aproximou-se de André Galvão.

Brasa Clube de Jiu Jitsu

A equipe Brasa Clube de Jiu Jitsu foi uma seleção de talentos desde seu surgimento. Nos 3 primeiros anos como equipe formalizada, esteve no pódio do Mundial da IBJJF, sendo campeã em 2006. Dentre os nomes que representaram a equipe na época estavam os Irmãos Vieira (Léo, Ricardo e Leandro), Demian Maia, Ronaldo Jacaré e, claro, André Galvão e Ramon Lemos.

Porém, devido a falta de liderança interna, a equipe começou a ruir. Enquanto os irmãos Vieira decidiram fundar a equipe Checkmat, Ramon Lemos e André Galvão juntaram forças para, em Rio Claro, dar início a Atos Jiu Jitsu.

O nascimento da Atos Jiu Jitsu

Juntando suas fortes crenças religiosas (ambos os fundadores são cristãos devotos) e seus talentos no Jiu Jitsu, surge a Atos Jiu Jitsu. Foi no final de 2008 que a equipe se formalizou, entrando nas grandes competições desde então. O nome escolhido remete ao quinto livro do novo testamento, “Atos dos Apóstolos”.

atos-jiu-jitsu-team
Time de elite da Atos Jiu Jitsu em seus primeiros anos, na pequena academia de Rio Claro

Com uma ascensão meteórica, a equipe competiu seu primeiro mundial ainda sem formalizar 1 ano de surgimento. Mesmo com recém graduados a faixa preta, a equipe colocou, em 2009, 5 dos seus faixas pretas em pódios nesse mundial, sendo Guilherme Mendes o único campeão, em seu primeiro ano como faixa preta.

A equipe, que tinha sua sede em Rio Claro, São Paulo, já contava com grandes nomes desde o início. Os Irmãos Mendes, graduados a faixa preta no surgimento da equipe integravam o time, junto de nomes como: Bruno Frazatto, Ary Farias, Guto Campos, Gilbert Durinho, Claudio Calasans e muitos outros.

O Jiu Jitsu moderno e controverso da Atos Jiu Jitsu

Desde seu surgimento a Atos especializou-se no Jiu Jitsu esportivo. Seus treinos eram tão intensos e frequentes, que boa parte do tempo estavam todos no tatame estudando novas posições. Foi a partir daí, que surgiu a semente de algumas técnicas que o incomodaram muito nas competições da época, como a 50/50 e o leg drag.

Apesar da forte resistência do cenário do Jiu Jitsu, em especial das equipes mais tradicionais, os atletas da Atos surpreendiam cada vez mais com suas técnicas. Era evidente a eficiência desses movimentos em um modelo esportivo, porém muitos alegavam que técnicas como 50/50 e berimbolo se distanciavam do Jiu Jitsu Tradicional e resultavam em amarração.

50-50-jiu-jitsu-moderno
Amada por uns e odiada por outros! Na foto, Rafael Mendes e Cobrinha estão trocando raspagens da guarda 50/50.

Com o tempo o mundo do Jiu Jitsu foi também estudando e adaptando-se a esse “jiu jitsu moderno” o que aumentou a aceitação do mesmo. Pouco a pouco tais técnicas foram se desenvolvendo e deixaram de apresentar-se apenas como forma de amarração e tomaram um cunho também ofensivo, devido a suas possibilidades de finalização, raspagens ou pegada de costas.

Até os dias de hoje a Atos Jiu Jitsu inova a cada competição que aparece. A recente Worm Guard – criada por Keenan Cornelius – já incomodou muitos passadores desavisados e hoje é essencial saber ao menos defendê-la se você quer competir e ter sucesso no alto nível.

Um quartel general próximo a pirâmide

Em 2010, após curta carreira de André Galvão no MMA, o QG da Atos Jiu Jitsu saiu do Brasil. Desde então, o time de elite da equipe reside em San Diego, na California. O ponto – cidade onde a academia reside até os dias de hoje – foi escolhido estrategicamente. San Diego fica a poucos quilometros da pirâmide de Long Beach, onde anualmente acontece o Mundial da IBJJF.

atos-jiu-jitsu-kids
O sucesso da equipe vem, em boa parte, do seu investimento na base.

André Galvão, junto de sua esposa Angélica Galvão, formaram um time de elite no esporte e todo ano recebem novos atletas. Estes, chegam em busca uma equipe competitiva e com um líder forte para crescer na arte suave.

Ao longo dos anos na América, atletas como Keenan Cornelius, Gustavo Batista, Lucas “Hulk”, Luiza Monteiro e muitos outros, juntaram forças à equipe, para juntos disputarem os maiores eventos do Jiu Jitsu.

O primeiro título mundial da Atos Jiu Jitsu e um futuro promissor

Em 2017 a Atos Jiu Jitsu conseguiu desbancar as equipes mais tradicionais e chegar ao topo do Mundial IBJJF. Isso aconteceu antes mesmo que a equipe completasse 10 anos de existência. A Atos já vinha por 6 anos consecutivos buscando o topo, parando entre a 2ª ou 3ª colocação. Porém, em 2017, liderados por André e Angélica Galvão, os atletas da Atos Jiu Jitsu levaram a equipe ao topo. Juntos, somaram quase 20 pontos a mais que o segundo colocado no masculino adulto. Além disso, a equipe sagrou-se também como melhor do mundo naquele ano entre os juvenis.

atos-jiu-jitsu-worlds
Enquanto André se preparou para o ouro do Mundial e do ADCC, Angélica Galvão liderou com muita propriedade a equipe de San Diego.

O seu sucesso deve-se, em grande parte, ao seu time promissor de faixas coloridas. Muitos deles já moram em San Diego e treinam diariamente com a equipe faixa preta de André Galvão. Aliás, o próprio head coach Galvão subiu também ao lugar mais alto do pódio. André foi campeão mundial entre os meio-pesados.

Para 2018 a equipe se encontra muito mais fortalecida. Já no início desse ano, recebeu a campeã mundial Luiza Monteiro para integrar a equipe feminina. Além deles, promessas da faixa preta como Gustavo “Braguinha” e Rafael Vasconcelos irão também representar a equipe nos próximos eventos.

Filiais da Atos Jiu Jitsu

  • Art of Jiu Jitsu (Mendes Bros);
  • Guetho Jiu Jitsu (Guto Campos);
  • Essential Jiu Jitsu (JT Torres);

Principais Atletas

Principais títulos Atos Jiu Jitsu

  • Campeã Mundial IBJJF (2017);
  • 7x Pódio no Mundial IBJJF (2011 até 2017);
  • Campeã Mundial IBJJF No-Gi (2017);
  • 3x Campeã Pan IBJJF (2014, 2016, 2018);
  • 5x Campeã Pan Kids (2013 até 2017);

Visite agora a Atos San Diego

Na primeira temporada da série “O Caminho para o Sucesso” a BJJ Nerd conheceu melhor a equipe. Durante as gravações, esteve com André e Angélica Galvão em San Diego, na semana seguinte do primeiro título mundial da equipe.

André Galvão, com o troféu na mão e a medalha no peito, contou a BJJ Nerd todos os detalhes da preparação da equipe e o passo-a-passo que levou a Atos Jiu Jitsu ao lugar mais alto do pódio. Além disso, os atletas promissores da academia também deram suas palavras. Os faixas coloridas que recém tinham somado bons pontos para o pódio da equipe estavam suando novamente no tatame, apesar do resultado positivo.

Para conferir a série, acesse o BJJ Nerd Club clicando AQUI.

Se gostou, deixe seu comentário abaixo! Também não se esqueça de visitar o BJJ Nerd no Facebook, Instagram e Youtube.

Atos Jiu Jitsu

Deixe uma resposta