fbpx

Se você for um professor de Jiu Jitsu, muito provavelmente já ouviu essa pergunta. Todo faixa branca que sonha em um dia se graduar a faixa preta já se perguntou quanto tempo levará para alcançar esse feito.

Infelizmente – ou melhor, felizmente – essa resposta em 100% dos casos é muito simples: Depende!

Apesar disso, muitos são os fatores que influenciam a caminhada de um iniciante até a faixa preta. Por isso, nesse post comentaremos alguns deles para que você possa tirar essa dúvida. Além disso, trazemos um pouco da opinião de professores renomadas, segundo entrevista à GRACIEMAG.


Tempo mínimo segundo a CBJJ / IBJJF

Carlos-Gracie-Jr
Mestre Carlos Gracie Jr: “No fim isso sempre vai depender da assiduidade do aluno, mas a IBJJF tem um tempo mínimo para o praticante poder tornar-se faixa-preta. Se for um camarada que treina sempre, com consistência, sem faltar aulas, ele pode pegar a faixa-preta depois de cinco anos e meio, seis. Pelas regras da IBJJF, o tempo mínimo para ficar na faixa-azul é de dois anos, na roxa mais um ano e meio, e mais um ano na faixa-marrom. Com mais um ano e pouco de faixa-branca em média, esse tempo somado seria de cinco anos e meio, seis anos. Já se ele começar a treinar Jiu-Jitsu quando criança, ele só pode conquistar a faixa-preta depois dos 19 anos e meio de idade.”

A Confederação Brasileira de Jiu Jitsu determina tempos mínimos para graduação em cada faixa. Mesmo que alguns professores não respeitem, é necessário a comprovação de que esses tempos foram respeitados para a filiação em uma nova faixa.

Confira aqui o quadro de tempos mínimos, segundo o sistema de graduação da própria confederação:

tempo-mínimo-cbjj

Porém, se o aluno é competidor, a situação muda. Isso porque essa regra possui sua exceção. Explicamos: ao conquistar um título mundial em determinada faixa, o aluno recebe o direito de ser graduado à próxima faixa, mesmo sem possuir o tempo mínimo na faixa vigente.

Por isso vemos alguns casos exepcionais de graduação. Nomes como Caio Terra e DJ Jackson receberam sua faixa preta com menos de 4 anos de Jiu Jitsu! Porém, para um praticante comum, essa graduação em pouco tempo é quase impossível.

Sistema de graduação da sua equipe

Apesar de haver uma certa concordância no tempo médio de graduação no Jiu Jitsu, cada equipe possui critérios particulares para graduar seus alunos.

Equipes como a Alliance Jiu-Jitsu, por exemplo, possuem um sistema de graduação baseado em presença. Isto é, para cada dia que você está lá no tatame se empenhando em evoluir, você ganha um ponto. No final de um número X de pontos, você receberá seus graus.

Segundo o próprio Fábio Gurgel em seu Workshop, esse é o sistema adotado pela Alliance:

  • Faixa Branca: 30 aulas/grau (Exame de faixa ao fim de 150 aulas);
  • Faixa Azul: 65 aulas/grau (Exame de faixa ao fim de 325 aulas);
  • Faixa Roxa: 75 aulas/grau (Exame de faixa ao fim de 375 aulas);
  • Faixa Marrom: 85 aulas/grau (Exame de faixa ao fim de 425 aulas);

Ou seja, do dia que você iniciou o Jiu Jitsu, até a faixa preta, são totalizadas: 1275 aulas! Fazendo as contas, se você treina 3 vezes/semana, ao fim de 425 semanas (um pouco mais de 8 anos), você receberá a tão sonhada faixa preta!

fernando-terere
Professor Fernando Tererê: “No meu ponto de vista, a média geral para pegar a faixa-preta é de uns nove, dez anos de treino. Acho que com uns dez anos o praticante aprendeu bem e pode ser um bom faixa-preta. Porém, alguns competidores de ponta, aqueles que vencem campeonatos ano a ano, podem conquistar a faixa em seis, sete anos.”

Consistência é a chave!

mestre-rilion-gracie
Mestre Rilion Gracie: “Tudo na vida é questão de empenho, você não pode ganhar um diploma sem ir à faculdade. A faixa-preta depende das horas de treino e da intensidade que aquele aluno será capaz de dedicar ao dojô. Os chamados ‘ratos de academia’ certamente vão chegar à graduação mais rapidamente. Ou seja, não é uma questão de tempo desde o dia em que você se matricula, mas uma questão de tempo dedicado. Em dezembro passado, graduei meu filho Roggan como faixa-preta. Foi uma conquista puramente dele. Se dependesse só do rendimento nos treinos, eu já poderia ter dado a faixa há dois anos, mas acho que a faixa-preta não depende apenas da vontade do professor, há outros aspectos. No caso dele, os próprios colegas de treino e demais professores da academia começaram a cobrar a faixa pelo que ele demonstrava diariamente. Eu apenas a amarrei na cintura dele, juntamente com o Renzo, mas estava todo mundo aferindo o nível dele e pleiteando a graduação. A pior coisa é o aluno burlar o tempo, por falta de paciência, e pegar faixa antes da hora. Não adianta eu aparentar ser uma coisa que na verdade eu não sou – essas pessoas estão enganando a si mesmas.”

Todo mundo conhece alguém que começou no Jiu Jitsu há muito tempo (muitas vezes mais de 10 anos) e ainda está na faixa azul ou roxa. Isso se deve, provavelmente, não ao seu nível técnico em si, mas a sua falta de consistência.

Esses praticantes treinam alguns dias e param alguns meses e nunca conseguem dar continuidade em sua graduação. Por vezes, esse tipo de aluno assiste um aluno iniciar no Jiu Jitsu e receber a sua faixa preta, enquanto continua na mesma faixa.

Por isso, um aluno treinando 2x na semana, mas que nunca parou, provavelmente receberá sua faixa preta muito mais cedo que os tais “eternos faixas-azuis”.

Não se preocupe com a faixa, mas sim com sua evolução

o-caminho-faixa-preta
O caminho é muito mais importante que a chegada! Por isso, aproveite cada dia de treino para evoluir o máximo que puder. Quando menos perceber, você será um faixa preta!

Para concluir esse post, trazemos uma reflexão.

Muito provavelmente você já ouviu isso de seu professor: “O seu foco deve estar em aprender, e não em trocar de faixa”.

Quando nos preocupamos muito com a graduação e o resultado externo, nos tornamos ansiosos. Isso, em muitos casos, pode levar a frustração, visto que a graduação no Jiu Jitsu não é algo que você obtém com facilidade.

Por isso, tome consciência: Se você se preocupa mais em se graduar do que em evoluir, talvez você nunca chegue a faixa preta!


E você leitor, já se tornou um faixa preta? Se não, quão perto está de sua faixa preta? Responda nos comentários contribuindo com a discussão! Também não se esqueça de visitar o BJJ Nerd no Facebook, Instagram e Youtube.

Quanto tempo demora para eu me tornar um faixa preta?

Deixe uma resposta