fbpx

Na última semana, o ginásio Bren Events Center, da Universidade da California, Irvine recebeu o IBJJF Pan Ams de Jiu Jitsu. Apesar de não haver premiações em dinheiro, muitos atletas de ponta buscaram o título, devido a maior visibilidade que a federação possui.

O Pan Jiu-Jitsu IBJJF faz parte do “Grand Slam” da federação. Junto do Brasileiro, Europeu e Mundial, ele está entre os 4 eventos mais prestigiados da arte suave. Portanto, não é raro o nível de cada categoria estar próximo ou tão disputado quanto um campeonato mundial. Exemplo disso foram as finais do peso pluma feminino e do peso médio masculino, marcados por revanches entre os finalistas do Mundial de 2017.

Vários foram os destaques do evento, mas o nome que mais brilhou entre os homens, pelo segundo ano consecutivo, foi o de Leandro Lo. O líder da NS Brotherhood repetiu o feito do ano passado, voltando de Irvine com o duplo ouro. Lo venceu sua categoria Pesado e o Absoluto entre os faixas pretas.

A BJJ Nerd esteve no evento e trouxe uma cobertura das finais via stories, em nossa página do Instagram. Confira aqui os resultados do IBJJF Pan Ams:

Leandro Lo é bicampeão absoluto no IBJJF Pan Ams

O tão esperado absoluto da faixa preta teve diversos momentos de tirar o fôlego. Leandro Lo, que vinha como o favorito para o título esse ano, não decepcionou.

Leandro Lo teve uma campanha perfeita, chegando na final contra Gutemberg Pereira, após vencer Keenan Cornelius na semi-final. Em mais um embate épico entre Lo e Keenan Cornelius, o líder da NS Brotherhood saiu com a melhor, passando a guarda de seu adversário, algo que muitos julgavam impossível de acontecer.

Já do outro lado, o jovem Gutemberg estava “voando”. Para chegar a final do absoluto, venceu nomes como Mahamed Aly, Fellipe Andrew e o norueguês Tommy Langaker, com um estrangulamento nas costas.

A grande final foi muito disputada até os minutos finais. Enquanto Leandro Lo buscava seus ataques de guarda, Gutemberg surpreendia com uma base forte. Porém, nos últimos minutos do combate, Lo acerta sua raspagem favorita (veja no vídeo abaixo) e assegura um 2 a 0 para vencer o combate

Masculino / Adulto / Faixa Preta / Absoluto:

 

1 – Leandro Lo Pereira do Nascimento – Ns Brotherhood
2 – Gutemberg de Jesus Santos Pereira – GF Team
3 – Keenan Kai-James Cornelius – Atos Jiu-Jitsu
3 – Tommy Lilleskog Langaker – KMR BJJ Europe

Já no feminino, o grande nome foi da multicampeã Luiza Monteiro. Ela, que já havia fechado o peso médio com sua companheira de equipe Angélica Galvão, chegou ao título do absoluto. Após vencer Bia Mesquita na semi-final, Luiza dobrou o pódio ao fechar com a também Atos Jiu Jitsu, Bia Basílio.

Feminino / Adulto / Faixa Preta / Absoluto:

 

1 – Luiza Monteiro Moura da Costa – Atos Jiu-Jitsu
2 – Bianca Barbosa Basilio – Atos Jiu-Jitsu
3 – Beatriz de Oliveira Mesquita – Gracie Humaita
3 – Nathiely Karoline Melo de Jesus – Cicero Costha Internacional

Atos Jiu Jitsu é a grande campeã do IBJJF Pan Ams entre os homens

A equipe liderada por André Galvão entrou com seu time de elite e faturou o troféu deu melhor equipe do evento. Além de um forte time de faixas coloridas, a Atos contou com alguns campeões entre a faixa preta, como o fechamento das categorias leve (Michael Liera e JT Torres) e meio-pesado (Gustavo Batista e Lucas “Hulk”).

Já entre as mulheres, apesar da forte campanha da Atos Jiu Jitsu – que faturou o ouro absoluto (Luiza Monteiro e Bia Basílio) e “fechou” entre as peso médios (Angélica Galvão e Luiza), a equipe terminou em segundo lugar no feminino. o título ficou com a Alliance Jiu Jitsu, que trouxe um forte time de base entre as faixas coloridas, conquistando boa parte das categorias entre as menos graduadas.

Confira os resultados entre os faixas pretas no IBJJF Pan Ams

Masculino / Adulto / Faixa Preta / Peso Galo: Entre os galos, o japonês Tomoyuki (Carpe Diem) venceu o favorito Lucas “Badboy” na semi-final. Na grande final, que pela primeira vez aconteceu entre dois japoneses, Hashimoto saiu com a melhor contra Koji Shibamoto (Triforce) nas vantagens para se sagrar campeão.

1 – Tomoyuki Hashimoto – Brasa CTA
2 – Koji Shibamoto – Tri-Force Jiu-Jitsu Academy
3 – David Herrera Junior – Soul Fighters BJJ
3 – Lucas dos Santos Pinheiro – AMBJJ – Alex Martins Brazilian Jiu-Jitsu

Masculino / Adulto / Faixa Preta / Peso Pluma: Entre os plumas, melhor para João Miyao (PSLPB Cicero Costha), que derrubou Pablo Mantovani (Atos Jiu Jitsu). A aluno de Cicero Costha impôs seu jogo de guarda, mantendo-se na frente do placar o tempo todo para vencer o IBJJF Pan Ams por 6 a 4.

1 – João Ricardo Bordignon Miyao – Cicero Costha Internacional
2 – Pablo Mantovani Dutra – Atos Jiu-Jitsu
3 – Rene Eduardo Lopez – Brasa CTA
3 – Yuta Shimada – Nexusense

Masculino / Adulto / Faixa Preta / Peso Pena: A grande final, entre Gianni Grippo levou a melhor contra Shane Hill-Taylor (Team Lloyd Irvin). Em uma luta truncada entre raspagens de 50/50, Gianni manteve-se por cima e venceu por 1 vantagem de diferença.

1 – Gianni Paul Grippo – Alliance
2 – Shane Jamil Hill-Taylor – Team Lloyd Irvin
3 – Gilson Nunes De Oliveira Neto – CheckMat
3 – Osvaldo Augusto Honorio Moizinho – Ares BJJ

Masculino / Adulto / Faixa Preta / Peso Leve: Um forte nome para o título entre os leves anunciou que estaria fora do evento na véspera do mesmo. Michael Langhi, 4x campeão pan americano, lesionou o joelho no ACB11 e teve que estar afastado do IBJJF Pan Ams. O título ficou no fechamento da Atos Jiu Jitsu. JT Torres e Michael Liera Jr. levaram a melhor nos seus lados da chave, somando bons pontos para a equipe.

1 – Jonathan Torres – Atos Jiu-Jitsu
2 – Michael Remiglio Liera Jr. – Atos Jiu-Jitsu
3 – Breno Henrique Abreu Bittencourt – Ares BJJ
3 – Vitor Henrique Silva Oliveira – GF Team

Masculino / Adulto / Faixa Preta / Peso Médio: Fechamento Revanche da final do Mundial de 2017 entre Gabriel Arges e Marcos Tinoco. Arges, que havia levado a melhor no Mundial por finalização, teve uma luta mais apertada dessa vez, levando o ouro por uma vantagem.

1 – Gabriel Arges de Sousa – Gracie Barra
2 – Marcos Vinícius da Silva Tinoco – Alliance
3 – Otavio Ferreira de Sousa – Gracie Barra
3 – Ygor Machado Dantas – CheckMat

Gustavo Batista chega ao topo do Pan Ams

Masculino / Adulto / Faixa Preta / Peso Meio-Pesado: Um jovem faixa-preta que vem fazendo história, mais uma vez surpreendeu. Gustavo Batista venceu nomes como Horlando Monteiro e Rudson Matheus para chegar a final com seu parceiro de equipe. Lucas Barbosa, já mais experiente, ficou com o ouro do IBJJF Pan Ams em um fechamento da Atos Jiu Jitsu.

1 – Lucas Daniel Silva Barbosa – Atos Jiu-Jitsu
2 – Gustavo Espindola Batista – Atos Jiu-Jitsu
3 – Matheus Oliveira Diniz – Alliance
3 – Rudson Mateus Sarmento Teles – Brasa CTA

Masculino / Adulto / Faixa Preta / Peso Pesado: Leandro Lo confirmou seu favoritismo, mas não teve um caminho fácil. Uma passagem de guarda confirmou seu lugar na final. Já contra o duro Tanner Rice, Lo contou com apenas 2 pontos para sagrar-se campeã pan americano pela sexta vez em categorias de peso.

1 – Leandro Lo Pereira do Nascimento – Ns Brotherhood
2 – Tanner Wade Rice – Soul Fighters BJJ
3 – Arnaldo Maidana de Oliveira – CheckMat
3 – Fellipe Andrew Leandro Silva – Zenith BJJ

Keenan Cornelius e a indecifrável guarda de lapela

Masculino / Adulto / Faixa Preta / Peso Super-Pesado: Entre os super-pesados, Mahamed vendeu caro a sua derrota. Porém, o complicado jogo de lapela de Keenan Cornelius lhe rendeu uma vantagem que foi suficiente para garantir o ouro.

1 – Keenan Kai-James Cornelius – Atos Jiu-Jitsu
2 – Mahamed Aly Santos da Silva – Team Lloyd Irvin
3 – Jared Lynn Dopp – Ribeiro Jiu-Jitsu
3 – Timothy-Michael Spriggs – Team Lloyd Irvin

Masculino / Adulto / Faixa Preta / Peso Pesadíssimo: João Gabriel Rocha é sempre um favorito entre os pesadíssimos. E dessa vez não foi diferente. Com uma campanha perfeita e um justo armlock na final, João Gabriel sagrou-se campeão, enquanto Ricardo Evangelista levou a prata.

1 – João Gabriel de Oliveira e S. Rocha – Soul Fighters BJJ
2 – Ricardo Ferreira Evangelista – GF Team
3 – Gustavo Dias Elias – Ribeiro Jiu-Jitsu
3 – Joseph Moku Kahawai Jr. – Beyond Jiu-Jitsu

Final de mundial repetida entre as pesos pluma

Feminino / Adulto / Faixa Preta / Peso Pluma: Repetindo a final do mundial do ano passado, Talita Alencar encarou Gezary Matuda. Em uma luta muito disputada, o resultado foi diferente da última competição e Gezary voltou com o ouro.

1 – Gezary Matuda Kubis Bandeira – American Top Team
2 – Ana Talita de Oliveira Alencar – Alliance
3 – Fiona M. Watson – Fight Club
3 – Sofia Rosa Amarante – Fight Sports

Feminino / Adulto / Faixa Preta / Peso Pena: Em uma categoria muito disputada, Karen Antunes levou a melhor, deixando nomes como Bia Basílio, Emilie Maxine e Jaqueline Amorim para trás na disputa pelo ouro.

1 – Karen Deisy Antunes Girotto Borges – CheckMat
2 – Jaqueline de Moraes Amorim – CheckMat
3 – Bianca Barbosa Basilio – Atos Jiu-Jitsu
3 – Emilie Maxine M. H. Thylin – Gracie Humaita

Feminino / Adulto / Faixa Preta / Peso Leve: Entre as leves, não houve fechamento. Bia Mesquita impôs seu perigoso jogo de guarda fechada para raspar e buscar as costas, finalizando num justo estrangulamento.

1 – Beatriz de Oliveira Mesquita – Gracie Humaita
2 – Jena Rae Bishop – Gracie Humaita

Luiza Monteiro é peso e absoluto

Feminino / Adulto / Faixa Preta / Peso Médio: A multicampeã Luiza Monteiro, agora integrante da Atos, chegou a final com sua parceira de equipe, Angélica Galvão.

1 – Angelica Cabral Firme Galvao – Atos Jiu-Jitsu
2 – Luiza Monteiro Moura da Costa – Atos Jiu-Jitsu
3 – Danielle Renee Alvarez – Gracie Humaita
3 – Leanna M Dittrich – Fight Sports

Feminino / Adulto / Faixa Preta / Peso Meio-Pesado: A jovem Nathiely subiu ao topo mais uma vez. Em uma luta movimentada, com muitas trocas de raspagens, um 8 a 6 em cima de Carina Curvelo garantiu o ouro do IBJJF Pan Ams para a aluna de Cicero Costha.

1 – Nathiely Karoline Melo de Jesus – Cicero Costha Internacional
2 – Carina Curvelo Santi – G13 BJJ
3 – Nivia de Souza Moura – Gracie Gym Texas

Feminino / Adulto / Faixa Preta / Peso Pesado: Uma raspagem ao final da luta foi o suficiente para definir essa final. A polonesa Maria Malyjasiak venceu Yacinta Nguyen por 2 a 0, levando um título inédito para o seu país.

1 – Maria Malyjasiak – Zenith BJJ
2 – Yacinta X. Nguyen-Huu – Toronto BJJ
3 – Fernanda Mazzelli Almeida Maio – Gracie Humaita
3 – Jessica da Silva Oliveira – Gracie Barra

A perigosa guarda de Claudia Doval no IBJJF Pan Ams

Feminino / Adulto / Faixa Preta / Peso Super-Pesado: Claudia Doval impôs novamente seu justo jogo de guarda. Após algumas iniciantes de Hillary na passagem de guarda, Claudia encaixou um omoplata que definiu o combate para a aluna de De La Riva.

1 – Claudia Fernanda Onofre Valim Doval – De La Riva JJ
2 – Hillary VanOrnum – Impact Jiu Jitsu

E você leitor, o que achou do IBJJF Pan Ams? Que outros jiujiteiros chamaram atenção no evento? Se gostou, deixe seu comentário abaixo! Também não se esqueça de visitar o BJJ Nerd no Facebook, Instagram e Youtube.

IBJJF Pan Ams 2018: Resultados de um dos mais prestigiados eventos do Jiu Jitsu

Deixe uma resposta